Evidente que obra de troca de tubulação deve ser objeto prévio de deliberação de Assembleia. A troca preventiva das tubulações comuns dos andares superiores e inferiores do apartamento em obra, deve ser discutida e aprovada previamente e, nesse caso, haverá necessidade do Condomínio apresentar 2 ou 3 orçamentos para realização das mesmas. Nesse caso, quanto aquele apartamento superior e inferior, caberá exclusivamente ao condomínio a reparação e reposição nas mesmas condições anteriores.
Acrescente-se que os condôminos daquelas unidades não estão “obrigados” a autorizar essas obras, por não se tratar de uma questão emergencial e sim apenas preventiva, mas havendo deliberação de assembleia, fica o condôminio obrigado a autorizar a realização da obra.